Connect with us

Hi, what are you looking for?

40graus

Geral

As notícias mais importantes do dia 1º de abril de 2019

O dia 1º de 2019, segunda-feira, foi marcado pela visita do presidente Jair Bolsonaro, acompanhado do premiê israelense Benjamin Netanyahu, ao Muro das Lamentações, em Jerusalém. Também nesta segunda, o Ministério Público Federal (MPF) voltou a pedir a prisão do ex-presidente Michel Temer, do ex-ministro Moreira Franco e outros seis denunciados por crimes envolvendo a Usina Angra 3. Confira essas e outras notícias a seguir:

 

 

Bolsonaro no Muro das Lamentações

O presidente Jair Bolsonaro, durante sua visita ao Muro das Lamentações

O presidente Jair Bolsonaro, durante sua visita ao Muro das Lamentações
Menahem Kahana/Reuters

 

 

Em seu segundo dia de visita a Israel, o presidente Jair Bolsonaro visitou nesta segunda-feira (1º) o Muro das Lamentações, em Jerusalém. O presidente brasileiro foi o primeiro líder estrangeiro a ser levado ao local pelo primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu. Após visitar os túneis do Muro das Lamentações e uma sinagoga no local, Bolsonaro relatou a jornalistas o pedido feito intimamente em oração durante a visita: “Que Deus olhe pelo Brasil”.

Mais cedo, também nesta segunda, Bolsonaro disse que os palestinos têm o “direito” de reclamar sobre a decisão do governo de abrir um escritório comercial do Brasil em Jerusalém, depois de ser questionado sobre o tema.

 

 

MPF recorre e pede nova prisão de Temer

Moreira Franco e Michel Temer são alvo da Lava Jato por supostos desvios

Moreira Franco e Michel Temer são alvo da Lava Jato por supostos desvios
Dida Sampaio/Estadão Conteúdo – 22.12.2016

 

 

O MPF (Ministério Público Federal) recorreu ao TRF-2 (Tribunal Regional Federal da 2ª Região), nesta segunda (1º),  pedindo novamente a prisão preventiva do ex-presidente Michel Temer, do ex-ministro Moreira Franco e outros seis denunciados por crimes ligados a contratos de Angra 3, usina da Eletronuclear em construção.

O MPF contestou a revogação de prisões preventivas decretadas pela 7ª Vara Federal Criminal do RJ, ressaltando que as solturas afetam a investigação de crimes, a instrução do processo, a aplicação da lei e a recuperação de valores desviados. Após a Operação Descontaminação, o MPF denunciou Temer, Franco e outros sete alvos por corrupção passiva, peculato e lavagem de dinheiro.

 

 

Bloqueado R$ 1 bilhão da Vale

Mineradora teve mais R$ 1 bi bloqueado de suas contas por decisão da Justiça

Mineradora teve mais R$ 1 bi bloqueado de suas contas por decisão da Justiça
Reprodução / Google Street View

 

 

A 1ª Vara Cível de Nova Lima (MG) determinou o bloqueio de mais R$ 1 bilhão das contas da Vale para que a mineradora indenize, por danos morais e materiais, moradores da cidade de Nova Lima, na Grande BH, vizinhos à barragem de Vargem Grande. Eles foram retirados de suas casas no dia 20 de fevereiro por decisão da empresa.

A ação foi proposta pelo MPMG (Ministério Público de Minas Gerais) na última sexta (29). A decisão, em caráter liminar, também determina que a mineradora deixe de operar a barragem de Vargem Grande, suspenda as demais atividades do complexo minerário e contrate uma auditoria técnica para elaborar um relatório que informe sobre a real situação da barragem, dentre outras deteminações.

 

 

Moçambique tem morte por cólera

Pelo menos 517 pessoas foram diagnosticadas com cólera em Moçambique


Continua depois da Publicidade

Pelo menos 517 pessoas foram diagnosticadas com cólera em Moçambique
Mike Hutchings/Reuters – 27.3.2019

 

 

As autoridades de saúde de Beira, a cidade mais atingida pelo ciclone Idai, confirmaram nesta segunda-feira (1º) a primeira morte por cólera na cidade.

Os registros de infectados pela doença também quase duplicaram nas últimas 24 horas. Até o momento, 517 pessoas já foram diagnosticadas com cólera. No sábado, o número era de 271 infectados. A Organização Mundial da Saúde (OMS) confirmou o envio de 900 mil doses de vacina contra a cólera para a cidade. 

 

 

Doria diz que investirá no Projeto Guri

Henrique Meirelles e João Doria anunciam investimento no Projeto Guri

Henrique Meirelles e João Doria anunciam investimento no Projeto Guri
RENATO S. CERQUEIRA/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

 

 

Após o polêmico aviso prévio de demissão para professores do Projeto Guri, o Governo de São Paulo anunciou, nesta segunda-feira (1º), o descontingenciamento de R$ 20 milhões para o programa.

Foram concedidos para a manutenção do projeto a quantia anual de R$ 94,7 milhões. Destes, R$ 20 milhões haviam sido contingenciados, ou seja, suspensos — a pasta de Cultura sofreu suspensão, no total, de R$ 150 milhões. Em reação, as organizações sociais colocaram os professores em aviso prévio de demissão, por causa do corte que ia ser feito. O governo, porém, voltou atrás e manteve o investimento total. “Essa é uma decisão do governador e quem manda é o governador”, afirmou Doria, garantindo que “nenhum professor será demitido, e nenhum aluno perderá direito” no Projeto Guri, que atende cerca de 64 mil alunos por ano e oferece cursos na área musical.

 

 

Rejeitadas todas as alternativas ao Brexit

Até agora, o Parlamento Britânico rejeitou 4 propostas para o Brexit

Até agora, o Parlamento Britânico rejeitou 4 propostas para o Brexit
Alkis Konstantinidis/ Reuters – 1.4.2019

 

 

O Parlamento Britânico rejeitou nesta segunda-feira (1º) quatro novas propostas para o acordo com a União Europeia sobre o Brexit, a saída do Reino Unido do bloco europeu. A votação de quatro moções era mais uma tentativa de se chegar a um consenso entre os parlamentares para garantir que haja acordo com o bloco europeu até o dia 12 de abril — nova data estabelecida para o Brexit após o Parlamento rejeitar por três vezes o acordo de “divórcio” negociado pela primeira-ministra, Theresa May.

Com estes resultados, o debate sobre o acordo de saída da União Europeia volta praticamente à estaca zero, faltando pouco mais de dez dias para o desligamento oficial.

 

 

Dumbo lidera nas bilheterias

Dirigido por Tim Burton, "Dumbo" conta a história do elefante voador

Dirigido por Tim Burton, “Dumbo” conta a história do elefante voador
Cinema 10

 

 

O filme “Dumbo”, dirigido por Tim Burton (“Edward Mãos de Tesoura”), ultrapassou “Capitã Marvel” e assumiu a liderança das bilheterias no primeiro fim de semana de exibição no Brasil. De acordo com ranking da Comscore — empresa americana de análise de dados —, o filme arrecadou R$ 10,5 milhões, de 28 a 31 de março, ante R$ 8,6 milhões da produção da Marvel.

No período, o remake em live-action levou 582 mil pessoas às 439 salas de cinemas espalhadas pelo país. Enquanto que a história da super-heroína da Marvel soma um público de 514 mil em 480 locais de exibição.

Source: R7


Continua depois da Publicidade

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Futebol

O domingo na Copa do Nordeste contou com três partidas que movimentaram a tabela de classificação. Ainda na primeira rodada da competição, a equipe...

Futebol

[unable to retrieve full-text content] Continua depois da Publicidade O post Roberto Fernandes avalia o desempenho do CRB na vitória sobre o ASA apareceu...

Futebol

[unable to retrieve full-text content] Continua depois da Publicidade O post Após goleada, Mozart destaca atuação dos novatos do CSA apareceu primeiro em Gazeta...

Futebol

[unable to retrieve full-text content] Continua depois da Publicidade O post Meia Diego Torres diz que o CRB ainda precisa de ritmo para a...