Connect with us

Cidades

Cineclube Trianon estreia com filmes alagoanos na Casa da Cultura em Arapiraca

Published

on


Continua depois da Publicidade

Grupo abre as portas nesta sexta (5) para a exibição e debate sobre as películas
O-Que-Lembro-TenhoMuito já se foi dito sobre Cinema e o que ele é e representa na vida humana. Nas manifestações sobre a arcada da alma e das relações entre nós todos.
Mas pouco se fala sobre esses temas levantados durante e depois de uma sessão ou outra de filmes. Ainda. É que em Arapiraca há agora toda uma ebulição audiovisual.
Para coroar isso, um cineclube está sendo implementado na cidade a partir desta sexta-feira (5), no auditório da Casa da Cultura, bairro do Centro, com o apoio da Prefeitura de Arapiraca.
Esta é uma iniciativa do Núcleo de Audiovisual de Arapiraca (Navi), um dos 10 Pontos de Cultura que compõem a rede do município.
O “Cineclube Trianon” começa às 19h, tendo a entrada inteiramente gratuita. Na estreia, haverá apenas filmes alagoanos: “O Que Lembro, Tenho”, de Rafhael Barbosa; “Ponto das Ervas”, de Celso Brandão; “Rua das Árvores”, de Alice Jardim; e “Trem Baiano”, de Robson Cavalcante e Claudemir Silva.
O cineclube conta com 16 pessoas em sua organização, divididos em setores de curadoria, produção, comunicação e registro.
“A ideia é exibir filme de todo o mundo. Mas, na primeira sessão, optamos pelas produções alagoanas, a fim de mostrar ao público arapiraquense que existem obras de muitíssima qualidade sendo produzidas aqui no nosso estado”, diz Weverton Vieira, um dos organizadores.
Segundo ele, a expectativa é que o cineclube “se torne um espaço cultural bacana e sirva como ponto de encontro e de debates de filmes”.
Ele também espera que o Cineclube Trianon – nome que homenageia um saudoso cinema de Arapiraca – estimule a criação de outros cineclubes e cinemas de bairro pelo município com propostas diferentes entre si.
O Trianon (de agora) nasceu a partir de uma oficina de práticas cineclubistas ministrada pela conceituada Yanara Galvão, comunicadora social, cineclubista, arte-educadora, mestranda em Cinema pela Universidade Federal de Sergipe, presidenta da Federação Pernambucana de Cineclubes (Fepec) e diretora-adjunta de Formação do Conselho Nacional de Cineclube (CNC), durante a 1ª Mostra Navi no Planetário, em março deste ano.
ASCOM ARAPIRACA

fonte: AMA – Associação dos Municípios Alagoanos


Continua depois da Publicidade

Bombando