Connect with us

Geral

Com a alta do dólar, saiba quais cuidados devem ser tomados 

Published

on

Com apreensão em torno da reforma da Previdência, dólar oscila diariamente

Com apreensão em torno da reforma da Previdência, dólar oscila diariamente

Mohamed Abd El Ghany/REUTERS – 20.03.2019

Com um cenário de instabilidade política e econômica no país, o valor do dólar perante o real chegou R$ 4,10 nesta sexta-feira (17)maior valor de fechamento desde 19 de setembro de 2018. Essa alta impacta diversos aspectos da vida do brasileiro, tanto do que está ou planeja ir ao exterior, quanto para o que permanece no Brasil.

Outro fator que preocupa é o valor do dólar turismo. Isso porque a moeda já está sendo comercializada a até R$ 4,56 nas casas de câmbio.

Leia mais: Com dólar alto, brasileiros gastam menos no exterior em março

Quem quer fazer uma viagem para o exterior e não quer sair no prejuízo deve ficar atento a algumas questões.

Diana Ávila, líder da operação da TransferWise na América Latina, dá a dica de que é sempre bom checar diversos lugares antes de comprar dólares e não escolher a primeira opção. “Pesquisar para conseguir a melhor oferta dentro do seu orçamento”, disse.

Planejar-se com antecedência também é essencial. Dessa maneira, é possível conseguir preços mais acessíveis e diluir o pagamento em um intervalo maior de tempo. Além disso, permite o monitoramento da variação cambial, para que se escolha o momento ideal para comprar a moeda.


Continua depois da Publicidade

No entanto, Diana explica que, se houver uma viagem em breve, é importante levar em conta não apenas as taxas de câmbio, mas também os impostos como o IOF (imposto sobre operações financeiras), que tem custos diferentes dependendo do tipo de transação que é feita.

Ela conta que é importante gastar em moeda local. “Você sabe quando você passa seu cartão de débito ou crédito no exterior e a maquininha pergunta se você quer pagar em dólares americanos ou em reais? Isso é chamado de Conversão Dinâmica de Moeda e é uma cobrança abusiva. Pode parecer inteligente pagar em reais, mas essas máquinas oferecem taxas de câmbio ainda piores do que os bancos. Portanto, sempre escolha a moeda local ao gastar em um país estrangeiro”, explica.

Investimentos

A valorização do dólar também abre as portas para o capital de investidores estrangeiros, pois estes percebem que os movimentos do mercado internacional somado ao cenário interno brasileiro conturbado permitem a conversão do dólar para a moeda brasileira, seja para especulação como para lucrar em cima da oscilação.

“De um ano para cá, o dólar já subiu exatos 10,5%. Só nos últimos 30 dias a alta foi de 3%, o que nos trouxe para este patamar de R$ 4,00. Porém, na primeira vez este ano quando chegou aos R$ 4,00, ele despencou, o que parece então descrever um movimento de realização de lucro a partir deste patamar”, explica o diretor de Câmbio da FB Capital, Fernando Bergallo.

No centro dessa discussão está a reforma da Previdência. Para o economista, a aprovação ou não do texto dita os rumos do mercado. “Vimos o dólar caindo e a Bolsa subindo em abril, quando o texto passou pela CCJ da Câmara e o mercado ficou um pouco mais confiante quanto à articulação política da aprovação da reforma previdenciária”, completa.

O economista-chefe da Nova Futura Investimentos, Pedro Paulo Silveira, ressalta os riscos de uma possível não aprovação do texto. “Se a reforma não for aprovada, o dólar subirá forte, e, junto com ele, a inflação e os juros”, alerta.

*Estagiário do R7, sob supervisão de Ana Vinhas

Source: R7


Continua depois da Publicidade

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bombando