Connect with us

Geral

Em mensagem sobre 64, ministro da Defesa fala em “aspirações do povo”

Published

on

Ministro Fernando de Azevedo Silva divulgou a Ordem do Dia Alusiva a 1964

Ministro Fernando de Azevedo Silva divulgou a Ordem do Dia Alusiva a 1964
Antonio Cruz/Agência Brasil 14.11.2018

O ministro da Defesa, Fernando de Azevedo e Silva, divulgou no final da tarde desta quarta-feira (27) a mensagem da Ordem do Dia Alusiva ao 31 de março de 1964.

O documento, também assinado pelos comandantes do Exército, Marinha e Aeronáutica, destaca que os militares participam da história, sempre alinhados às “legítimas aspirações” do povo.


Continua depois da Publicidade

Diz ainda que é preciso enxergar o Brasil de 1964 dentro de uma perspectiva histórica. “O 31 de março de 1964 estava inserido no ambiente da Guerra Fria, que se refletia pelo mundo e penetrava no País. As famílias no Brasil estavam alarmadas e colocaram-se em marcha. Diante de um cenário de graves convulsões, foi interrompida a escalada em direção ao totalitarismo. As Forças Armadas, atendendo ao clamor da ampla maioria da população e da imprensa brasileira, assumiram o papel de estabilização daquele processo”.

E também que 55 anos após 1964, as Forças Armadas tem como foco o respeito à Constituição e à manutenção da paz. “As Forças Armadas, como instituições brasileiras, acompanharam essas mudanças. Em estrita observância ao regramento democrático, vêm mantendo o foco na sua missão constitucional e subordinadas ao poder constitucional, com o propósito de manter a paz e a estabilidade, para que as pessoas possam construir suas vidas”.

Source: R7


Continua depois da Publicidade

Bombando