Connect with us

Cidades

Enchente em Santa Catarina tira de casa alagoanos que migraram em busca de emprego

Published

on

Casas foram alagadas e alguns alagoanos que moram em Rio do Sul tiveram que ir para abrigos ou casas de parentes – Foto: Reprodução/Whatsapp

Casas foram alagadas e alguns alagoanos que moram em Rio do Sul tiveram que ir para abrigos ou casas de parentes – Foto: Reprodução/Whatsapp

Mais uma vez, nordestinos do Sertão de Alagoas que migraram para Santa Catarina tiveram que deixar suas casas devido a uma enchente causada pela cheia do rio Itajaí-Açu, que corta a cidade de Rio do Sul (SC), onde muitos alagoanos moram.

Segundo a Defesa Civil, Rio do Sul é a cidade com mais pessoas em abrigos: são 564 espalhadas em 12 dessas unidades. Entre elas, há sertanejos de Alagoas. Outros mudaram-se temporariamente para a casa de familiares.

Pelo menos 85 municípios de Santa Catarina registraram ocorrências com chuva intensa, inundação, alagamento, enxurrada e vendaval nos últimos dias. A Defesa Civil registrou 22 inundações e 38 deslizamentos.

Centenas de sertanejos já se mudaram para a cidade catarinense de Rio do Sul nos últimos anos em busca de empregos na área industrial, em frigoríficos e no comércio. Vivem lá muitos jovens oriundos de Monteirópolis, Jacaré dos Homens, Batalha, Olho D’Água das Flores, Palestina, Pão de Açúcar e Santana do Ipanema.

Em 2016, o risco de enchentes também deixou os alagoanos que moram em Rio do Sul apreensivos. Já em 2015, 123 alagoanos que moravam na cidade tiveram que deixar suas casas por conta da enchente e foram acolhidos em cinco abrigos ofertados pelo município.


Continua depois da Publicidade

Com mais de 60 mil habitantes, segundo o IBGE, Rio do Sul tornou-se ponto de atração para os sertanejos que deixam Alagoas em busca de emprego, há mais de 10 anos, porque se destaca na área industrial, com foco nos setores metalmecânico, eletrônico e vestuário (principalmente na confecção de jeans). No setor agropecuário, destaca-se pela produção de leite, suinocultura e avicultura. O município vem apresentando também, nos últimos anos, forte crescimento na construção civil e no desenvolvimento de software.

Em Rio do Sul (SC), casa onde moram alagoanos de Monteirópolis teve que ser desocupada temporariamente por conta da enchente (Foto: Cortesia para o Correio Notícia)

LEIA MAIS:

Risco de enhente em Rio do Sul (SC) preocupa alagoanos que migraram em busca de emprego

Let’s block ads! (Why?)

fonte: Correio Notícia


Continua depois da Publicidade

Bombando