Connect with us

Cidades

Especialistas da Saúde do Norte e Nordeste lotam Congresso em Porto Seguro

Published

on

Cosems de Alagoas participa da mesa de honra da abertura do evento que conta com mais de 1.500 congressistas

 

IMG_0167Especialistas renomados das três esferas de governo, gestores e técnicos da Saúde lotaram na noite dessa quarta-feira (3) o auditório do Centro de Convenções de Porto Seguro na abertura do 5º Congresso Norte e Nordeste de Secretarias Municipais de Saúde, que se encerra sábado (6). O secretário executivo do Ministério da Saúde, Antônio Carlos Nardi, destacou a importância do evento que reuniu mais de 1500 congressistas no debate de estratégias para o fortalecimento do Sistema Único de Saúde (SUS).

De acordo com Nardi, o Congresso reuniu guerreiros da saúde do Brasil, onde o país foi fundado e além de presidentes dos Conselhos de Secretarias Municipais de Saúde (Cosems) do Norte e Nordeste, contou com titulares de outras regiões do Brasil. “É interesse do governo federal redirecionar as políticas de saúde para que não sejam apenas discurso, mas colocá-las em prática. Hoje os grandes problemas do setor são referentes ao acesso e custeio, logo a abertura e habilitação de novos serviços, como as Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), devem seguir critérios e beneficiar os municípios menores”, destacou Nardi.

O presidente do  Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems), Mauro Junqueira, ressaltou a crise por que passa a saúde pública do país, lembrando que pelo terceiro ano consecutivo o PIB brasileiro segue negativo e adverte aos secretários de saúde a não abrirem serviços novos sem a garantia de orçamento. “Não adianta abrir novos serviços e contratar novos leitos pois não haverá recursos federais para mantê-los. Precisamos continuar a luta pela manutenção do sistema que é o melhor de inclusão social que existe”, alertou.


Continua depois da Publicidade

O representante da Organização Pan-americana da Saúde (Opas)no Brasil, Joaquim Molina, considerou uma honra compartilhar experiências e aprender o que se faz no SUS do Norte e Nordeste. “É um dever da Opas colaborar com este movimento da saúde”, afirmou Molina, acrescentando a importância da integridade entre os presidentes dos Cosems das duas regiões agraciadas no evento. A presidente do Cosems de Alagoas Normanda Santiago destacou a importância do evento como forma de avançar na discussão em defesa do Sistema Único de Saúde (SUS).

A anfitrião do Congresso, presidente do Cosems da Bahia, Stella Souza, afirmou que será elaborada uma carta do Congresso para encaminhar às autoridades competentes do país com os anseios do setor. “Será um documento não de gaveta, mas para colocar em prática onde podemos pedir ajuda ao MS, Opas, Ministério Público, dentre outros órgãos, com o intuito de oferecer melhor saúde à população do Norte e Nordeste.

Um dos pontos altos do evento se deu com a homenagem a algumas autoridades que compuseram a mesa com o cocar indígena. Receberam a lembrança o presidente do Conasems, Mauro Junqueira, o secretário executivo do MS, Antônio Carlos Nardi e  o representante da Opas, Joaquim Moina. O encontro foi abrilhantado com a apresentação de diversidades culturais das regiões Norte e Nordeste e contou como a dança dos índios pataxós; balé masculino e feminino, dentre outras atrações.

ASCOM COSEMS 

fonte: AMA – Associação dos Municípios Alagoanos


Continua depois da Publicidade

Bombando