Connect with us

Cidades

Ex-vice-prefeita esclarece que recursos da repatriação e do IPI elevaram FPM de Delmiro

Published

on

Ziane Costa foi vice-prefeita de Delmiro Gouveia na gestão do pai dela, Lula Cabeleira, até dezembro de 2016 – Foto: Juliano Rodrigues

Ziane Costa foi vice-prefeita de Delmiro Gouveia na gestão do pai dela, Lula Cabeleira, até dezembro de 2016 – Foto: Juliano Rodrigues

A ex-vice-prefeita de Delmiro Gouveia, Ziane Costa, em contato com o Correio Notícia, esclareceu a diferença de mais de R$ 3,5 milhões no valor do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) dos últimos três meses da gestão dela e do ex-prefeito Lula Cabeleira (PMDB) em relação aos três primeiros meses da atual gestão, conforme notícia publicada pelo portal nesta quinta-feira (11).


Continua depois da Publicidade

Segundo ela, de outubro a dezembro de 2016, o FPM foi acrescido de recursos oriundos da repatriação e de 1% do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI).

Porém, no Portal da Transparência do governo federal, onde os dados estão disponibilizados, não há nenhuma observação sobre isso. O Portal mostra apenas o valor repassado aos municípios a cada mês. Nos meses de outubro, novembro e dezembro, conforme explicou Ziane Costa, já estão agregados os valores da repatriação e do IPI.

“Sem esses acréscimos, a diferença desses três meses de 2016 em relação aos três primeiros meses da atual gestão seria de R$ 689 mil, e não de mais de R$ 3,5 milhões”, esclareceu a ex-vice-prefeita.

Além do FPM, o município de Delmiro Gouveia, que é o maior do Sertão de Alagoas em número de habitantes, recebe recursos de outras fontes, como ISS, IPVA e royalties.

Let’s block ads! (Why?)

fonte: Correio Notícia


Continua depois da Publicidade

Bombando