Connect with us

Cidades

Fechada há 1 ano e 3 meses, Fábrica da Pedra completa 103 anos de fundação nesta segunda

Published

on

Fechada há 1 ano e 3 meses, Fábrica da Pedra completa 103 anos de fundação nesta segunda

Quase 600 funcionários da unidade foram demitidos; fechamento ocorreu após corte no fornecimento de energia elétrica, devido a débito de R$ 1,2 milhão

Fábrica da Pedra fica situada em Delmiro Gouveia e tem 103 anos de fundação – Foto: Arquivo/Jota Silva

Fábrica da Pedra fica situada em Delmiro Gouveia e tem 103 anos de fundação – Foto: Arquivo/Jota Silva

A Fábrica da Pedra, situada em Delmiro Gouveia, faz 103 anos de fundação nesta segunda-feira (5). Esse é o segundo aniversário da unidade industrial após o fechamento, ocorrido em 28 de março de 2016, após o corte no fornecimento de energia, o que desencadeou a maior crise da história do empreendimento.

Na época da suspensão do fornecimento elétrico, a Fábrica da Pedra acumulava um débito superior a R$ 1,2 milhão com a Eletrobras Distribuição Alagoas. Dessa forma, no dia 1º de abril do ano passado, os 575 funcionários foram postos em férias coletivas.

Em julho, 125 deles foram demitidos. Os demais foram demitidos em janeiro deste ano, após o agravamento da crise e a falta de perspectiva para reabertura da indústria têxtil.


Continua depois da Publicidade

Apenas 18 funcionários foram mantidos para a realização de tarefas administrativas, uma vez que a unidade, apesar de fechada, não decretou falência.

A Fábrica da Pedra S/A Fiação e Tecelagem foi fundada no dia 5 de junho de 1914 pelo industrial Delmiro Augusto da Cruz Gouveia e adquirida pelo Grupo Carlos Lyra em 1992, que tenta vender a indústria. Outros três grupos empresariais já demonstraram interesse, porém, nenhum negócio foi fechado até agora.

LEIA MAIS:

Fábrica da Pedra completa 102 anos neste domingo em meio a uma de suas maiores crises

Sem funcionar há cinco dias, Fábrica da Pedra concede férias a todos os funcionários

Eletrobras volta a cortar energia da Fábrica da Pedra por falta de pagamento

Let’s block ads! (Why?)

fonte: Correio Notícia


Continua depois da Publicidade

Bombando