Connect with us

Geral

Governadores ‘não têm voto nem pedem voto’, diz líder do PP

Published

on

Lira diz que governadores não tem voto na reforma

Lira diz que governadores não tem voto na reforma
Arquivo/Marcelo Camargo/Agência Brasil

Uma das estratégias do governo Bolsonaro para aprovar a reforma da Previdência, a liberação de recursos do pré-sal para os Estados, não deve se provar efetiva na busca por votos para a reforma, avalia o líder do PP na Câmara, o deputado Arthur Lira (AL). “O governo erra ao distribuir dinheiro do pré-sal diretamente aos governadores”, disse.

Segundo ele, “governadores não têm voto nem pedem voto”.

“A reforma da Previdência é muito melhor aceita em São Paulo, no Rio e no Sul. Nas outras regiões, eu diria que 80% são contra a reforma”, declarou o parlamentar, em entrevista à Rádio Eldorado.

O déficit previdenciário dos Estados, disse Lira, não deveria ser debatido em âmbito federal. “Na minha opinião, tudo pertinente a Estados e municípios tem que ser enviado às respectivas assembleias e aí os governadores têm que se envolver”, apontou o deputado alagoano.


Continua depois da Publicidade

Comissão especial

Apesar da aprovação da reforma da Previdência na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) da Câmara ter sido aprovada com 48 votos a favor e 18 contrários, esta proporção não reflete o grau de aceitação da proposta no plenário da Câmara, avalia o líder do PP na Câmara.

“É preciso ter cuidado ao analisar as votações nas comissões”, disse ele. “As comissões têm maioria artificial. No meu partido, a maioria não é a favor da reforma”, comentou. “No meio de 40 deputados do meu partido, coloquei três na Comissão que são a favor da reforma para facilitar a tramitação, mas chegando no plenário, a conversa é outra”, afirmou.

Gabinete

O “gabinete de inteligência” criado pelo governo, que deve funcionar a partir da terça-feira (7) para oferecer esclarecimentos e tentar angariar mais votos a favor da reforma foi criticado por Lira. “O governo erra ao criar este gabinete. É como se estivesse tratando os deputados como neófitos, amadores que não entendem o que se trata”, declarou o líder do PP.

Source: R7


Continua depois da Publicidade

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bombando