Connect with us

Famosos

Monique Evans surge de mãos dadas com homem e se explica

Published

on

Monique Evans surge de maos dadas com homem e se explica

Monique Evans namora a DJ Cacá Werneck e vive se declarando na web para a amada, mas, ao surgir de mãos dadas com um homem na praia de Ipanema, muitos fãs ficaram sem saber o que estava acontecendo.

Porém, Monique foi até suas redes sociais para acabar com o mal-entendido. “Pessoas querendo saber quem é esse homem de mão dada comigo. Esse é meu único irmão Marcus Panthera, que mora em Miami. E a Cacá Werneck não está na foto porque está em Fortaleza trabalhando. Vou me encontrar com ela amanhã em Manaus. Explicado??”, escreveu.

Nos comentários, muitos fãs defenderam a loira. “Esse povo precisa de atualizar”, disse um.

“Nem precisaria explicar. A vida é sua e só remete a você. Felicidades, Monique. Feliz 2020!”, comentou outra.

“Isso aí Monique as pessoas gostam muito de se intrometer na vida dos outros e esquecem de viver a própria vida”, afirmou mais uma fã.

 

Trabalho na TV

Em recente entrevista a OFuxico, Monique Evans comentou que está prestes a completar 40 anos de TV. Será que ela tem algum trabalho nesse sentido para 2020? A apresentadora revelou que sente falta de estar nas telinhas.


Continua depois da Publicidade

“Sinto falta de trabalhar. Não de ter um programa…. Hoje em dia não adianta ter projetos, porque as TV’s estão em crise [financeira]. Nos meus últimos trabalhos, eles pagavam uma merreca tão grande que não cobria nem o custo da minha maquiagem, entendeu? E eu ainda tinha que correr atrás de figurino… Não valia à pena”, desabafa e ainda completa: “Não quero um trabalho só para aparecer. Tem gente que paga para aparecer. Não é a minha… Gosto de fazer um bom trabalho e ganhar dinheiro. Quando eu fazia meus quadros davam muita audiência”, descreve.

Depressão

Em dezembro de 2011, ao participar do Superpop da Rede TV!, acabou revelando que sofria de depressão desde a infância. Nossa entrevistada fez uma análise sobre a evolução do debate sobre a questão:

“Evoluímos bastante. As pessoas chegaram à conclusão que é a doença do século. Antigamente, você só sabia que uma pessoa sofria de depressão depois que ela se matava. As pessoas assumem mais, conversam mais. Eu acredito que tive uma parcela de ajuda para que isso acontecesse. Ao assumir na mídia, nas entrevistas, eu ajudei bastante. Não é vergonha pedir ajuda profissional, o psiquiatra está apto a te passar uma medicação. Algo precisava ser feito”, bradou.

Source: Ofuxico.com.br


Continua depois da Publicidade

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bombando