Connect with us

Cidades

Número de homicídios sofre redução de 50% em São José da Tapera, diz Segurança Pública

Published

on

São José da Tapera, no Sertão de Alagoas, teve redução no número de assassinatos em 2017 – Foto: Diego Barros

São José da Tapera, no Sertão de Alagoas, teve redução no número de assassinatos em 2017 – Foto: Diego Barros

Quatorze pessoas foram assassinadas nos primeiros seis meses de 2016 em São José da Tapera, enquanto em 2017 foram “apenas” sete. Os dados são da Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP) e foram divulgados nesta sexta-feira (9), em notícia veiculada no portal Agência Alagoas.

Dessa forma, a redução no número de homicídios no município, comparando o primeiro semestre de 2016 com o primeiro semestre de 2017 – que só termina no dia 30 deste mês – é de 50%.

O resultado é atribuído pela SSP às atividades do Centro Integrado de Segurança Pública (Cisp), inaugurado na cidade em dezembro do ano passado.

Os dados do Núcleo de Estatística e Análise Criminal (Neac) da SSP também indicam que, de janeiro a maio deste ano, foram apreendidas seis armas de fogo e o registro de boletins de ocorrência subiu em 10,4% em São José da Tapera.

Ouro Branco

Ainda de acordo com o relatório do Neac, em texto publicado na Agência Alagoas, entre os municípios que receberam unidades do Cisp, o maior índice de redução no número de homicídios ocorreu em Ouro Branco.

Nos últimos seis meses, apenas um assassinato foi registrado no município, uma redução de 85,7% em relação ao mesmo período de 2016. Na cidade, a ocorrência de roubos também apresentou queda de 26,1%.


Continua depois da Publicidade

“A projeção do governador Renan Filho e da Secretaria de Segurança Pública é que até o fim deste ano nós tenhamos o total de 20 Cisps tipo 1, que são os modelos já instalados em sete municípios, além de seis unidades tipo 2, que irão integrar Batalhões de Polícia Militar e Delegacias Regionais”, disse o secretário da SSP, Lima Junior.

Segundo ele, os dados apresentados pelo Neac são resultado da integração das forças policiais e as melhores condições de trabalho e atendimento a partir da instalação das unidades do Cisp.

“Os Cisps permitiram a ampliação de atendimento ao público em ambientes que oferecem melhor qualidade de instalação, tanto para o policial quanto para a comunidade. Temos o aumento no número de viaturas e policiais em serviço, que oferecem uma maior sensação de segurança, e estamos resgatando a dignidade dos policiais, que trabalhavam em condições precárias”, destacou o secretário.

LEIA MAIS:

Cisp de São José da Tapera tem o pior resultado na diminuição da volência, aponta SSP

São José da Tapera recebe Cisp e Renan Filho lembra novas unidades em AL
 

Let’s block ads! (Why?)

fonte: Correio Notícia


Continua depois da Publicidade

Bombando