Connect with us

Geral

PF faz buscas na sede do PSL em MG por campanhas suspeitas em 2018

Published

on

PF mira a sede do PSL em Minas Gerais nesta segunda

PF mira a sede do PSL em Minas Gerais nesta segunda
Bruno Escolastico/Futura Press/Estadão Conteúdo – 23.04.2019

A Polícia Federal faz buscas na sede do PSL em Belo Horizonte, capital mineira, nesta segunda-feira (29), para esclarecer suspeita de irregularidade na aplicação de recursos referentes a campanhas eleitorais femininas do partido no Estado no ano de 2018.

Na época, o atual ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, era o presidente da legenda em Minas Gerais. Porém, Antônio não é objeto de busca da Polícia Federal nesta segunda-feira.

A operação “Sufrágio Ostentação” cumpriu sete mandados judiciais de busca e apreensão, todos expedidos pela 26ª Zona Eleitoral de Belo Horizonte — dois na capital, dois em Contagem, um em Coronel Fabriciano, um em Ipatinga e um em Lagoa Santa.


Continua depois da Publicidade

Houve a apreensão de documentos relativos a produção de material gráfico de campanhas eleitorais.

Antônio nega candidaturas-laranja nas Eleições 2018

Antônio nega candidaturas-laranja nas Eleições 2018
Renato Costa /Framephoto/Estadão Conteúdo – 10.04.2019

Candidaturas laranja

Em fevereiro, reportagem do jornal O Estado de S.Paulo apontou que o ex-deputado federal e ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio (PSL-MG), teria participado de um esquema de candidaturas laranjas em Minas Gerais para desviar recursos eleitorais e beneficiar empresas ligadas a seu gabinete na Câmara.

Na época, Álvaro atacou a reportagem e disse que o jornal tenta desestabilizar o governo: “Sou o alvo de uma matéria que deturpa os fatos e traz denúncias vazias sobre nossa campanha em Minas Gerais. A distribuição do Fundo Partidário do PSL cumpriu rigorosamente o que determina a lei”.

Source: R7


Continua depois da Publicidade

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bombando