Connect with us

Geral

Sindicato diz que Mourão descartou capitalizar a Eletrobras em 2019

Published

on

CNE disse que Mourão e dispôs a ajudar a categoria

CNE disse que Mourão e dispôs a ajudar a categoria
Paulo Whitaker/Reuters – 17.08.2018

O presidente da República em exercício, Hamilton Mourão, recebeu na quarta-feira (15) quatro empregados da Eletrobras integrantes do CNE (Coletivo Nacional dos Eletricitários), que luta contra a privatização da empresa, em reunião em Brasília. Segundo a entidade, Mourão teria confirmado que a capitalização da estatal não deve ocorrer este ano.

Em nota à imprensa, o CNE disse que Mourão não vê clima para a capitalização da companhia em 2019 e se dispôs a ajudar a categoria a ampliar a discussão sobre a saída do controle do governo na Eletrobras.


Continua depois da Publicidade

Ele teria informado ainda que não ouviu falar em privatização da companhia, mas apenas na capitalização, como vem sendo defendido pela empresa desde a entrada do atual presidente, Wilson Ferreira Jr.

Procurada, a assessoria de Mourão ainda não retornou com a confirmação do teor da conversa, mas confirmou que houve a reunião de quarta com os eletricitários.

A categoria argumenta que a justificativa que o governo vem usando para vender o controle da Eletrobras em bolsa, diluindo a participação do governo, é de que a empresa depende de recursos do governo, que atravessa dificuldades fiscais e não pode mais injetar recursos nas estatais.

Segundo o CNE, apesar do aporte de R$ 3 bilhões feito em 2016, a estatal rendeu R$ 14,7 bilhões em dividendos de 2008 a 2014 e este ano deve render mais R$ 600 milhões.

A entidade mostrou também a Mourão que o valor de R$ 12,2 bilhões previstos para serem arrecadados com a perda do controle da companhia na capitalização é irrisório diante da dívida pública.

Source: R7


Continua depois da Publicidade

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bombando